Obrigada pela visita.

Obrigada pela visita.

quinta-feira, 28 de março de 2013

A pedra Opala é indicada para depressões, proteção e amor



 Opala


O nome Opala é oriundo do hindu antigo sânscrito “Upala” (pedra preciosa). A coloração da Opala se deve às bolinhas de água armazenadas no interior da pedra e que brilham nas mais belas cores quando expostas à luz. 

A Opala era diretamente associada aos deuses e à criação, e diz-se que recebeu uma parte de todas as pedras, o verde da Esmeralda, o violeta brilhante da Ametista, o vermelho do Rubi, o azul da Safira e a luz ardente do enxofre. 

Os antigos gregos e romanos chamavam-na de “opalus” e acreditavam poder prever o futuro através dela, que também protege o usuário de todas as doenças, e que as Opalas negras são pedras de poder para os mágicos.

Efeitos para o corpo: A Opala regula o conteúdo de glóbulos brancos e vermelhos do sangue, todas as doenças sanguineas e todas as desordens do sangue curam-se com ela. Água ou chá enriquecidos com Opala têm efeito especialmente positivo sobre o pâncreas, fígado e vesícula, e ativam as glândulas da mucosa estomacal. Previne eczemas e protege de varizes e rugas.

Indicações: Glóbulos sanguíneos, todas as desordens do sangue, pâncreas, fígado, vesícula, mucosa estomacal, eczemas, varizes, rugas.

Efeitos para a Mente: A Opala afasta depressões e problemas psíquicos do seu usuário, trazendo luz à alma. Na meditação, alcançamos uma sensação de proteção, amor e o equilibrio dos chacras. Experimentamos a beleza do nosso ser e da vida em todas as cores, e com maior energia alcançamos percepção espiritual e previsão do futuro.

Indicações: Depressões, problemas psíquicos do seu usuário, portadora de luz para a alma, proteção e amor, equilíbrio dos chacras, percepção espiritual, previsão do futuro.








Nenhum comentário:

Postar um comentário